quarta-feira, 22 de maio de 2013

Como se mata o sentimento?!




“Cortando meus pulsos sinto o sangue jorrar, ao ver a cor do sangue o meu coração dispara, não preciso disso, só preciso de um revólver e de uma bala.
Meu coração já não serve mais, acabar com as batidas que me acordam no meio da noite seria o modo mais sutil de acabar com esse sofrimento que me açoita a cada segundo, os mistérios do meu interior foram jogados ao vento, se você precisa de alguém melhor que eu para ser feliz, você simplesmente não vai encontrar. Pois o que define uma pessoa como sendo boa, ou ruim para outra é a intensidade com a qual uma gosta da outra, ninguém vai gostar mais de você do que um dia eu gostei. Entenda assim como eu entendi, que  a nossa única chance foi desperdiçada. Seja feliz sozinho.”

0 comentários:

Postar um comentário

 
;